AGETO 09/09/2019 - 15:41 - Luzinete Bispo/Governo do Tocantins

Governo constrói desvio e restabelece tráfego na TO-296 onde ponte foi incendiada

O desvio foi construído pela equipe da Residência Rodoviária da Ageto de Dianópolis O desvio foi construído pela equipe da Residência Rodoviária da Ageto de Dianópolis - Divulgação
O incêndio destruiu um vão inteiro da ponte sobre o Córrego Angical na TO-296, na região sudeste do estado O incêndio destruiu um vão inteiro da ponte sobre o Córrego Angical na TO-296, na região sudeste do estado - Divulgação
Desvio foi construído para possibilitar o tráfego após ponte ter sido incendiada Desvio foi construído para possibilitar o tráfego após ponte ter sido incendiada - Divulgação

O Governo do Tocantins, por meio da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), finalizou a construção de um desvio com o objetivo de restabelecer o tráfego na TO-296, no quilômetro 11,1 onde  ponte de madeira foi queimada, no trecho entre o Trevo da TO-050 em Arraias e o Entroncamento da BR-242 em Paranã. O trecho em questão não é pavimentado.

Segundo o Coordenador da Residência de Dianópolis, engenheiro Leandro Araújo, a ponte sobre o Córrego Angical possui 15 metros e foi construída com três vãos. “O incêndio queimou um vão inteiro, temos a necessidade de recolocar 12 vigas de cinco metros cada”, informa.

O tráfego na rodovia estava interrompido desde a última sexta-feira, 6, quando a ponte no local teve sua estrutura incendiada. A Ageto já registrou o Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia de Arraias e a polícia civil já está investigando os fatos.

O superintendente de Construção e Fiscalização de Obras Rodoviárias da Ageto, Adelmo Vendramini, explicou que uma equipe técnica da Ageto já trabalha no sentido de conseguir a madeira adequada e nas medidas necessárias para reconstruir a ponte. “Queremos reconstruir a estrutura o mais rápido possível, mas, agora tudo depende de conseguirmos a madeira adequada”, ressalta.